COMO É A TRIBUTAÇÃO E A CONTABILIDADE DE UMA HOLDING PATRIMONIAL OU UMA ADMINISTRADORA DE BENS?

Holding - Contabilidade em São Paulo | OCC Contabilidade

Compartilhe nas redes!

COMO É A TRIBUTAÇÃO E A CONTABILIDADE DE UMA HOLDING PATRIMONIAL OU UMA ADMINISTRADORA DE BENS?

Quando falamos em Holding Patrimonial, a Holding Pura, ou seja, cujo objeto social é deter todo o patrimônio dos patriarcas,

ao constituir a empresa os patriarcas vão integralizar os imóveis que estão na pessoa física nessa pessoa jurídica pelo valor declarado na declaração de IRPF.

Ao ser averbado no Registro de Imóveis, deverá levar além do contrato social da Holding registrado na JUCESP,

uma Declaração de Isenção do ITBI emitida junto a Prefeitura local do endereço do imóvel.

Essa isenção só é permitida quando no objeto social não há a atividade de Locação, Administração, Compra e venda de imóveis

e no decorrer de dois anos deverá ser apresentado balanço social provando que a empresa não obteve rendimento com esses imóveis.

Já que a empresa não tem rendimentos com os imóveis, não tem faturamento, assim não há tributos à recolher.

Quando falamos da Administração de bens próprios, ou Holding Mista, cujo objeto social é ter rendimentos,

faturamento com os imóveis integralizados no capital social da empresa, o procedimento de constituição é igual,

o que diferencia é que na hora de averbar a matrícula no Registro de imóveis deverá recolher o ITBI de cada imóvel.

Quando inicia o faturamento com os alugueis, a melhor opção de tributação é o Lucro Presumido e a carga tributária é de 11,33%

de impostos federais para a locação e por volta de 6,75% em caso de venda quando os imóveis estão no estoque pra venda.

Dulia Costoya – Contadora OCC

 

Classifique nosso post post

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn
Max Alexandre - 2 de julho de 2021

Bom dia!! Estou com duvias quanto as obrigações de uma Holding. Ja integralizaei os Bens, mas nao houve nenhum Rendimento. É obrigado enviar a ECD e ECF?

occ@contabilidade - 8 de julho de 2021

Caro Max Alexandre

Se o único movimento que você fez foi de abertura da empresa a ECD será a única declaração a ser enviada, mas isso vai depender a dctf sem movimento para você ficar desobrigado a ECF, de qualquer forma converse com o seu contador.

Caso ainda não tenha um contador agende uma reunião.

Att

Deixe um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado.



Veja também

Posts Relacionados

Novidade IRPF 2022

Na nossa edição anterior falamos da obrigações , nesse post vamos falar das novidades que

Obrigações - Contabilidade em São Paulo | OCC Contabilidade

Obrigações Acessórias

  Começa as Obrigações Acessórias de uma empresa. Devido a quantidade de obrigações acessórias mensais e

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Recomendado só para você!
HOLDING PATRIMONIAL OU ADMINISTRAÇÃO DE BENS PRÓPRIOS?   Antes de…
Cresta Posts Box by CP